Karla Martins

BLOG

Fica atualizado sobre as últimas novidades e tendências do LinkedIn e gestão de carreira.

Trabalhar Home Office: Vantagens e Desvantagens

Trabalhar Home Office: Vantagens e Desvantagens

Karla Martins

09/01/2020

6 Responses

Trabalhar home office é uma tendência. De freelancers a empresas multinacionais, é crescente a adesão a esse modelo de trabalho. São duas as situações mais comuns para o trabalho a partir de casa:

Negócio próprio. Nesse caso o profissional é independente ou tem uma pequena empresa. Em geral essa escolha é feita quando o negócio não exige um espaço físico, seja para atendimento a clientes ou para a produção.

Trabalho remoto. A possibilidade de trabalhar em casa algumas vezes na semana pode ser entendida como um benefício por parte do funcionário. Para a empresa significa economia de recursos.

Eu sou fã do home office, não nego. Por isso fiz uma enquete no Linkedin para conhecer outros pontos de vista sobre o assunto. Nesse artigo eu falarei sobre as vantagens e desvantagens dessa forma de trabalho.

trabalhar home office: vantagens e desvantagens

Comecemos pelo lado bom de se trabalhar home office

Maior produtividade. Há pessoas que rendem melhor em casa, principalmente nas tarefas que exigem concentração. São menos pausas para o café e menos distrações. Entretanto, para que funcione dessa forma, é preciso ter as condições adequadas, como veremos mais adiante.  

Flexibilidade de horários. Esta é a campeã das vantagens do home office. Poder conciliar tarefas pessoais no horário comercial é algo valorizado pelos profissionais. Levar os filhos na escola, ir ao médico ou fazer um curso foram exemplos citados na pesquisa. Estando-se em casa fica mais fácil fazer as compensações de horário posteriormente. 

Qualidade de vida. Eu moro em Portugal. Por aqui trabalhar em casa pode significar apenas mais conforto e flexibilidade. Já em algumas cidades do Brasil, ir ao escritório pode significar até 5 horas no trânsito por dia. Nesse caso trabalhar remotamente resulta em mais tempo para descansar, estar com a família ou fazer uma atividade física.

Segurança. Uma forma de driblar o trânsito seria sair mais tarde do trabalho. O problema é que isso pode ser um risco, infelizmente. Em cidades com índices elevados de criminalidade, trabalhar até mais tarde na segurança do seu lar é uma vantagem e tanto.

Convivência com a família. Estar mais presente no dia a dia dos filhos foi outra vantagem relatada, principalmente pelas mulheres. Se a criança amanhece doente, por exemplo, é possível gerir melhor a situação. Há também quem tenha pets, como eu, e aproveite-se da convivência com os seus bichanos durante o dia.

Redução de custos. A economia em itens como combustível, estacionamento e alimentação pode ser significativa ao final do mês. Para quem tem seu negócio em casa, evita-se o custo do aluguel, condomínio e outras despesas fixas. As empresas também economizam ao oferecerem a opção de trabalho remoto aos seus funcionários. 

vantagens de trabalhar home office

Mas nem tudo são flores

Mesmo com todas as vantagens do home office, há pessoas que não gostam de trabalhar dessa forma. Preferem a rotina de sair de casa e ir até o local de trabalho. Sentem que equilibram melhor a vida pessoal e a profissional com a separação dos espaços.

Trabalhar além da conta é outro problema. Há quem perca a noção do tempo estando em casa, o que pode acarretar em prejuízos à saúde.

Por fim, a maior desvantagem relatada foi a falta de interação com os colegas de trabalho. Mesmo quem gosta de trabalhar home office sente falta do convívio no ambiente da empresa.

Qual é o perfil para se trabalhar home office?

Já vimos que não são todas as pessoas que gostam, ou se adaptam, ao home office. Vejamos 4 características necessárias para o profissional se dar bem nessa modalidade de trabalho:

1 – Disciplina para manter a rotina de trabalho em casa, o que para algumas pessoas pode ser difícil.

2 – Organização para manter o seu espaço de trabalho em ordem e para gerir as tarefas.

3 – Foco para se concentrar no trabalho, sem se distrair com as questões domésticas.

4 – Autonomia para estabelecer o seu plano de trabalho, caso seja freelancer ou profissional independente. E, mesmo que trabalhe para uma empresa, para produzir sem a presença física do chefe.

organização do espaço de trabalho no home office

Além dessas soft skills, você precisará criar as condições adequadas para o home office

Prepare um espaço só para trabalhar. Para se concentrar você precisará de privacidade e de um ambiente adaptado ao seu tipo de trabalho. Hoje em dia é possível resolver quase tudo com o notebook e o smartphone. Normalmente as empresas oferecerem esses equipamentos para quem trabalha remoto. Já quem tem o seu negócio, deve verificar se precisará fazer investimentos em móveis e equipamentos.

Converse com a família. É indispensável que todos entendam que estar em casa não significa que você estará disponível todo o tempo. Uma boa ideia é estabelecer horários de pausa para dar atenção aos familiares. Eu sempre aviso ao meu marido (ele trabalha remoto 2 x por semana) quando entrarei em atendimentos online com meus clientes a fim de evitar interrupções.

Aprenda a se abstrair da rotina doméstica. Se precisa colocar a roupa no varal, por exemplo, espere pelo horário do almoço para fazê-lo. Saber separar as tarefas do trabalho das da casa é fundamental para manter a sua produtividade.

Estabeleça horários. Tenha hora marcada para começar e para terminar o seu trabalho. Evite ficar até tarde trabalhando pois isso pode afetar a sua saúde e até a relação com a família. Manter uma rotina é importante para o equilíbrio entre vida pessoal e a profissional. 

perfil de quem trabalha home office

No final das contas, é questão de escolha

Trabalhar em casa pode ser bom para uns e um pesadelo para outros. Se a pessoa gosta de trabalhar sozinha e tem as condições necessárias em casa, será a situação ideal. Por outro lado, para quem não tem conforto e privacidade para trabalhar em casa, a experiência poderá ser traumatizante. 

Existem, entretanto, soluções que unem o melhor dos dois mundos. É o caso de quem trabalha remotamente apenas alguns dias da semana.

No caso das empresas que desejam implementar o trabalho remoto, é importante identificar quais funcionários não poderão trabalhar home office. São os colaboradores que, pela natureza do trabalho, precisam estar na empresa em tempo integral. Feito isso, o passo seguinte será determinar, dentre as pessoas que poderão trabalhar de casa, quais grupos precisão ir ao escritório uma ou mais vezes por semana. 

Já quem tem o seu negócio, ou é freelancer, pode optar pelo home office em uma fase inicial e, posteriormente, ter o seu espaço comercial. Em determinados segmentos isso será uma mais valia para os atendimentos presenciais, com maior privacidade e conforto. Em outros casos, quando o profissional atende por videoconferência, pode não ser um investimento justificável. 

Antes de tomar a sua decisão, analise os prós e os contras. E, se possível, faça um período de experiência para saber se irá se adaptar a essa forma de trabalhar. 

Procura algo?

Redes Sociais

6 Responses

  1. Muito bom o artigo explicando meus pontos negativos e positivo. Algumas pessoas não tem este perfil para trabalhar Home Office.

    1. Ter o perfil é super importante para o sucesso dessa iniciativa, Adima. Obrigada por seu comentário 🙂

  2. Muito bom artigo!
    A organização do tempo e primordial mesmo. Sou fotografa e tenho esta esperiencia quando estou nas edições, tratamentos e contatos.
    Vilma Damasceno

    1. Estando-se em casa precisamos ter cuidado redobrado na administração do tempo. Sucesso nas fotografias, Vilma!

  3. Olá,

    Está bastante bom o teu artigo.

    Prós e contras do home office e soft skills que melhor se adaptam.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência em nosso site.

Fique por dentro das novidades!

Faça parte da minha Newsletter